Você sabia que o Excel possui uma série de funções financeiras para o cálculo de métricas específicas? Por sinal, o gerenciador de planilhas, é capaz de realizar uma série de cálculos específicos e que estão presentes apenas em calculadoras financeiras, como a HP 12C.

Nesse artigo, apresentaremos algumas dessas funções para que você descubra como o Excel é importante e pode contribuir para o dia a dia do departamento financeiro de uma empresa, não deixe de conferir!

Função Financeira no Excel – PGTO

Muito utilizada na área financeira, a função PGTO é capaz de realizar o cálculo e controle do pagamento de parcelas de empréstimos e financiamentos com juros constantes.

Veja como funciona a função PGTO:

Função PGTO (Taxa; nper; vp; [vf]; [tipo])

Onde:

Taxa: é a taxa de juros por período de um empréstimo;

Nper: é o número total de pagamentos ou prestações;

Vp: quantia total de uma série de pagamentos futuros;

Vf: saldo final que se deseja obter após o último pagamento;

Tipo: pode ser 1 (pagamento no início do período) ou 0 (pagamento no fim do período).

Vejamos um exemplo prático:

Função Financeira no Excel – Valor Futuro

A função valor futuro – VF é muito utilizada para o cálculo da rentabilidade de alguns investimentos, uma vez que ela é capaz de retornar o valor de resgate para uma determinada aplicação após certo período.

Veja como funciona a função Valor Futuro:

VF (taxa;nper;pgto;vp;tipo)

Onde:

Taxa: É a taxa de juros por período de um investimento, por exemplo;

Nper: É o número total de pagamentos;

Pgto: É o pagamento feito a cada período;

Vp: quantia total de uma série de pagamentos futuros;

Tipo: pode ser 1 (pagamento no início do período) ou 0 (pagamento no fim do período).

Vejamos um exemplo prático:

Função Financeira no Excel – Valor Presente

Muito semelhante à função anterior, a função valor presente pode ser utilizada para o cálculo do valor presente de uma determinada aplicação.

Veja como funciona a função Valor Presente:

VP=(taxa;nper;pgto;vf;tipo)

Observe que todos os componentes da função já são conhecidos com base nos modelos apresentados anteriormente.

Vejamos um exemplo prático:

funções financeiras

Função Financeira no Excel – Taxa

A função taxa é utilizada para o cálculo da taxa de juros de determinado período.

Veja como funciona a função Taxa:

TAXA=(nper;pgto;vp;vf;tipo;estimativa)

Observe que os campos para preenchimento são os mesmos das funções anteriores, como exceção do campo estimativa que não é de uso obrigatório.

Vejamos um exemplo prático:

Função Financeira no Excel – NPER

A função NPER é utilizada para retornar o número de períodos de investimentos com juros constantes.

Veja como funciona a função NPER:

NPER=(taxa;pgto;vp;vf;tipo)

Observe mais uma vez que os campos utilizados na fórmula são os mesmos dos modelos anteriores.

Vejamos um exemplo prático:

funções financeiras

Viu só quantas funções financeiras bacanas presentes no Excel? Estes foram apenas alguns exemplos para despertar o seu interesse e demonstrar o potencial da ferramenta.

No entanto, vale a pena buscar cada vez mais conhecimento no Excel para se aprofundar nas suas funcionalidades.

Deseja conhecer e aprender mais sobre o Excel? Continue acompanhando o nosso blog!

WhatsApp Chamar no Whatsapp